Saúde e Beleza

Mastopexia – O Que É, Cuidados e Riscos

Mastopexia é uma das cirurgias mais procurada pelas mulheres e serve como corretivo da mama. Com o passar dos anos é muito comum haver queda das mamas e isto costuma acontecer por volta dos trinta a cinquenta anos de idade.

Mastopexia - O Que É. Cuidados, e Riscos

O Que é Mastopexia

Também chamada de cirurgia de lifting de mama, a mastopexia reposiciona a aréola e o tecido mamário, retirando o excesso de pele e comprime o tecido para arrumar o novo contorno da mama. Ela repara a flacidez dos seios fazendo com que eles fique rígidos e elevados novamente e na maioria das vezes a técnica é positiva o que aumenta muito  a autoestima das mulheres.

Abaixo compartilhamos as causas da perca da elasticidade da pele nos seios:

– Gravidez;
– Amamentação;
– Oscilações de peso;
– Envelhecimento;
– Gravidade;
– Hereditariedade.

Algumas vezes, a aréola se alarga com o pássaro do tempo, e a mastopexia poderá reduzi-la. O procedimento pode ser um modo de melhorar a aparência e rejuvenescer pois a mama fica jovem e firme.

Cuidados na Mastopexia

Após a cirurgia serão feitos os curativos sobre as incisões e será preciso usar uma bandagem elástica ou sutiã para diminuir o inchaço e sustentar a mama. Um dreno pode ser temporariamente colocado sob a pele para drenar qualquer excesso de sangue e de fluido que possa se acumular depois da cirurgia.

Mastopexia - O Que É. Cuidados,

Compartilhamos abaixo procedimentos necessários antes da cirurgia:

– Fazer exames de laboratório ou avaliação médica;
– Tomar certos medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais;
– Realizar uma mamografia de base antes da cirurgia e outra após a cirurgia para ajudar a detectar quaisquer mudanças futuras no seu tecido mamário;
– Parar de fumar bem antes da cirurgia;
– Evitar tomar aspirina, anti-inflamatórios e medicações naturais, porque eles podem aumentar o sangramento.

Riscos da Mastopexia

Assim como todo procedimento médico a mastopexia também tem  riscos e efeitos colaterais, por isso é importante estar atento as complicações na hora de tomar a decisão. Durante a recuperação deverá ficar aproximadamente vinte dias em repouso e proibida de dirigir ou trabalhar durante um mês dependendo da resposta de seu organismo em relação ao procedimento.

Mastopexia - O Que É.

Abaixo compartilhamos alguns riscos da Mastopexia:

– Cicatriz desfavorável na mama;
– Sangramento (hematoma);
– Infecção;
– Má cicatrização das incisões;
– Alterações de sensibilidade do mamilo ou da mama, que podem ser temporárias ou permanentes,
– Riscos da anestesia
– Contorno e forma da mama irregularidades;
– Descoloração da pele, alterações da pigmentação, inchaço e hematomas,
– Danos em estruturas mais profundas tais como nervos, vasos sanguíneos, músculos e pulmões – de forma temporária ou permanente;
– Alergia ao material do curativo, ao fio de sutura, a colas, aos derivados do sangue, a medicações tópicas ou injetadas;
– Assimetria da mama;
– Necrose do tecido adiposo (necrose gordura);
– Acúmulo de líquido (seroma);
– Rigidez excessiva do peito;
– Possibilidade de perda parcial ou total do mamilo e da aréola;
– Trombose venosa profunda, complicações cardíacas e pulmonares;
– Dor, que pode perdurar;
– Possibilidade de novo procedimento cirúrgico (retoque).

De acordo com a habilidade médica e do organismo os seios podem ficar assimétricos após o procedimento. Por isso é necessário escolher com atenção o profissional responsável, porém maneira geral a mastopexia é considerada um método seguro.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria? Melhorar a aparência dos seios aumenta a alto estima feminina! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.