Utilidade Pública

Recadastramento Biométrico Eleitoral Do TSE – Segurança Na Identificação Por Meio Digital. Confira Os Locais E As Datas.

 

RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO ELEITORAL DO TSE – SEGURANÇA NA IDENTIFICAÇÃO POR MEIO DIGITAL. CONFIRA OS LOCAIS E AS DATAS.

Recadastramento biométrico eleitoral do TSE – segurança na identificação por meio digital. Confira os locais e as datas.

Objetivando garantir um preceito de votação realmente democrático e devidamente seguro, muitas tecnologias vêm sendo desenvolvidas pela Justiça Eleitoral brasileira. Das inovações mais atuais, revela-se a biometria, a qual tem por finalidade a captura das digitais através de equipamentos tecnológicos para recadastramento biométrico eleitoral do TSE, para maior segurança na identificação dos eleitores por meio da digital.

Recadastramento biométrico eleitoral do TSE 1 – segurança na identificação por meio digital. Confira os locais e as datas.O sistema da biometria disponibilizará maior agilidade e segurança aos eleitores no momento da votação.

O aparelho eletrônico de votação adotado no Brasil é referência mundial. O eleitorado brasileiro abrange mais de 143 milhões de pessoas (dados de janeiro de 2015). Para esclarecer as dúvidas mais frequentes sobre esse sistema, o Tribunal Superior Eleitoral criou página na internet sobre esse assunto.

Na lógica, o recadastramento biométrico disponibilizará de recursos para o atendimento aos eleitores com dificuldades ou limitações para serem identificados digitalmente. Para esse atendimento, o interessado poderá fazer a marcação, diga-se que, a marcação pode ser feita por todos os cidadãos, independente de suas condições.

Para sua comodidade, verifique na tabela abaixo se a sua cidade está em etapa de recadastramento biométrico. Confira os locais e as datas de início e o fim do recadastramento, mediante um clique no link do Estado desejado.

Acre

Amazonas

Amapá

Bahia

Ceará

Distrito Federal

Espírito Santo

Goiás

Maranhão

Minas Gerais

Mato Grosso

Pará

Paraíba

Pernambuco

Piauí

Paraná

Rio de Janeiro

Rio Grande do Norte

Rondônia

Roraima

Rio Grande do Sul

Santa Catarina

São Paulo

Tocantins

Conforme o TSE, o eleitor que não se apresentar ao cartório eleitoral durante o período instituído para cada cidade, esse terá o seu título cancelado. O eleitor ficará sem poder de voto, em razão de o cancelamento ocorrer em razão do recadastramento biométrico não objetivar apenas as coletas das digitais para identificação no dia da eleição. Pois quando o eleitor realiza a biometria, o sistema faz também uma varredura e revisa todos os dados do eleitor que, por sua vez são imediatamente atualizados.

www.big1news.com.br. Trazendo o melhor para você.

Não Esqueça. Deixe o seu Comentário.

 

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.