Saúde

Síndrome de Tourette – Sintomas e Causas

Síndrome de Tourette é um transtorno neuropsiquiátrico hereditário que se manifesta durante a infância. Foi descoberta no século XIX, pelo francês Georges Gilles de La Tourette. Acredita-se que 1 a cada 2000 pessoas seja afetada por ela, sendo na sua maioria, as do sexo masculino

Síndrome de Tourette – Sintomas e Causas

Sintomas da Síndrome de Tourette

Este é um  distúrbio que tem como característica principal tiques, que são movimentos bruscos e que podem acontecer de forma motora ou vocal. As pessoas os relacionam como involuntários e sentem dificuldade imensa de ter controle sobre eles. Eles podem ser simples ou complexos. Os simples têm a duração mais rápida. Já os outros são mais demorados, podendo envolver uma sequência deles. Segundo o Manual DSM-V, ele se inicia antes dos 18 anos, sendo comum ocorrer por volta dos 4 aos 6 anos de idade e, por esse motivo, os professores da criança podem ser os primeiros a perceber. É comum a existência de ansiedade social. Outros sintomas podem fazer parte do problema, como o transtorno obsessivo-compulsivo, distúrbios de aprendizagem, ou distúrbios de sono.

Síndrome de Tourette – Sintomas e Causas

Compartilhamos abaixo alguns sintomas da Síndrome de Tourette:

-piscada de olhos;

-movimentos repentinos com a cabeça;

-caretas;

-balanço de ombros;

-fungada;

-tosse;

-sons guturais;

-gestos obscenos;

-repetição involuntária de sílabas ou palavras.

Causas da Síndrome de Tourette

As causas podem ser genéticas ou, ainda, neuroquímicas. Pode existir um desequilíbrio nos impulsos elétricos que controlam ou transmitem informações de um neurônio a outro. Contudo, ainda não há um consenso sobre o fator real que desencadeia a síndrome. De toda forma, é fato que os tiques costumam aumentar quando a pessoa está em situações de estresse emocional.

Síndrome de Tourette – Sintomas e Causas

O tratamento indicado vai depender da intensidade dos sintomas e de como eles afetam a vida do doente. Alguns vão se dar bem com medicações controladas. Aplicações locais de toxina botulínica também podem ajudar a tratar o paciente. Em alguns casos, será preciso lidar com a ansiedade e o estresse. Algumas estratégias, como a meditação, podem ajudar a diminuir os sintomas. A pessoa com a síndrome de Tourette pode levar uma vida normal, com grande diminuição dos tiques, se bons recursos forem aplicados.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria? Este problema de saúde requer a melhora imediata da qualidade de vida do paciente! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.