Saúde

Síndrome de Prader-Willi – Sintomas e Tratamento

Síndrome de Prader-Willi (PWS) é uma desordem genética devido à perda de função de genes específicos. É um distúrbio raro que acomete um a cada 15 mil nascidos no mundo. Foi descoberta em 1956 e que leva o nome dos médicos que a estudaram, pode ser fatal. Não houve ainda no Brasil registro da doença. Por ser fruto de uma anomalia genética, pode acontecer com qualquer um em qualquer lugar.

Síndrome de Prader-Willi – Sintomas e Tratamento

Sintomas de Síndrome de Prader-Willi 

As características da síndrome de Prader-Willi variam bastante de uma criança para a outra e, normalmente, são diferentes conforme a idade. Esta é uma anomalia do cromossomo 15 de origem paterna e que causa alguns sintomas como hipotonia muscular  que é falta de força e firmeza nos músculos, além de  atraso na escrita e fala e hiperfagia  a compulsão alimentar.

Síndrome de Prader-Willi – Sintomas e Tratamento

Compartilhamos abaixo alguns sintomas da doença:

Em bebês e crianças até 2 anos:

-Fraqueza muscular: normalmente leva a que os braços e pernas parecem muito flácidos;

-Dificuldade para mamar: acontece devido à fraqueza muscular que impede a criança de puxar o leite;

-Apatia: o bebê parece constantemente cansado e com pouca resposta para os estímulos;

-Genitais pouco desenvolvidos: com tamanhos pequenos ou inexistentes.

Em crianças e adultos:

-Fome em excesso: a criança está constantemente a comer e em grande quantidade, além de andar frequentemente procurando por comido nos armários ou na lixeira;

-Atraso no crescimento e desenvolvimento: é comum que a criança seja mais baixa que o normal e tenha menos massa muscular;

-Dificuldade de aprendizado: demoram mais tempo para aprender a ler, escrever ou, até resolver problemas do dia-a-dia;

-Problemas na fala: atraso na articulação das palavras, mesmo na idade adulta;

-Malformações no corpo: como mãos pequenas, escoliose, alterações na forma do quadril ou falta de cor nos cabelos e pele.

Ainda muito comum surgirem problemas de comportamento como ter atitudes frequentes de raiva, fazer rotinas muito repetitivas ou agir de forma agressiva quando algo é negado, especialmente no caso de comida.

Tratamento da Síndrome de Prader-Willi

São os sintomas e características da criança que ditam o tratamento. Para isso pode ser usada uma equipe de várias especialidades médicas. Possivelmente será necessárias diferentes técnicas de tratamento.

Síndrome de Prader-Willi – Sintomas e Tratamento

Compartilhamos abaixo alguns tratamentos para a síndrome:

Uso de hormônio do crescimento: normalmente é usado em crianças para estimular o crescimento, podendo evitar a baixa estatura e melhorar a força muscular;

Consultas de nutrição: ajuda a controlar os impulsos de fome e permite melhorar o desenvolvimento dos músculos, fornecendo os nutrientes necessários;

Terapia com hormônios sexuais: são usados quando existe atraso no desenvolvimento dos órgãos sexuais da criança;

Psicoterapia: ajuda a controlar as alterações de comportamento da criança, assim como evitar o surgimento dos impulsos de fome;

Terapia da fala: Essa terapia ajuda a melhorar a linguagem e as formas de comunicação desses indivíduos.

Atividade física: é importante para equilibrar o peso corporal e fortalecer a musculatura.

Fisioterapia:  pode proporcionar a melhora do tônus muscular, um melhor equilíbrio e melhora a motricidade fina.

Terapia ocupacional: proporciona aos portadores de Prader-Willi uma maior independência e autonomia nas atividades diárias.

Apoio psicológico: é fundamental para orientar o indivíduo e sua família a como lidar com comportamentos obsessivos- compulsivos e transtornos de humor.

Podem ainda ser utilizadas muitas outras formas de terapia que, geralmente, são recomendadas pelo pediatra após observação das características e comportamentos de cada criança.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria? Uma doença grave que debilita tanto a criança quanto ao adulto! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.