Saúde

Óleo de Mirra – Benefícios

Óleo de Mirra com um aroma quente e apimentado a tradição cristã nos conta que  a mirra foi um dos presentes que os Reis Magos levaram ao menino Jesus em seu nascimento. Já os egípcios antigos aproveitavam a planta para mumificar os corpos. Hebreus e gregos adicionavam mirra ao vinho em busca da intensificação dos sentidos. Esta árvore de pequeno porte e cheia de espinhos é oriunda do nordeste da África e regiões semidesérticas do Oriente Médio. É conhecida também como incenso, mirra verdadeira e mirra arábica, sendo parte da família das Chenopodiaceae.

Benefícios do Óleo de Mirra

Lá nos tempos mais remotos, a mirra já era usada na aromaterapia para fortalecer a espiritualidade e criar o clima ideal para meditar e orar. O óleo de mirra é extraído desta planta e consegue manter as principais propriedades dela. Quando o arbusto é cortado, a seiva da mirra escorre em gotas isto rendeu a  planta o apelido de ‘lágrimas amargas’.

A mirra arábica é de grande importância  na farmacopeia chinesa e ayurvedica. Os ocidentais aprenderam com os povos do Oriente a utilizar a planta em diversas ocasiões. Para preservar os elementos físico-químicos, é preciso que a extração do óleo essencial de mirra seja feita a frio. Um processo que acontece por meio do aproveitamento da resina da Commiphora myrrha.

Compartilhamos abaixo alguns benefícios do óleo de Mirra:

-Regenerar tecidos;

-Prevenir o envelhecimento celular precoce;

-Proporcionar unhas e pele mais saudável e bonita;

-Agir em casos de gangrena, úlceras na pele, rachadura nos pés e furúnculos

-Atuar como protetor do organismo de doenças como faringite, bronquite e resfriados

-Auxiliar no tratamento de inflamações no trato respiratório, boca e gengiva

-Inibir o acúmulo de catarro, proporcionando a redução de doenças nos pulmões

-Servir de tônico para o estômago;

-Minimizar diarreia e flatulência;

-Ajudar no combate à acidez estomacal e às hemorroidas

-Estas e outras capacidades terapêuticas do óleo de mirra são decorrentes de bioativos que compõem o vegetal e contam com funções descongestionante, antifúngica, antisséptica, anti-inflamatória, antibacteriana etc.

A mirra ainda é muito usada como agente revigorante em situações em que a pessoa apresenta apatia, desânimo e sensação de fraqueza, além de proporcionar efeito calmante quando os ânimos estão alterados. Os usos e aplicações da mirra incluem ainda: contusões, dentes moles, desodorante corporal, dores de garganta, entorses, nevralgia e torcicolo.

É importante destacar que a mirra pode interferir no tratamento da diabetes. E não deve ser utilizada por gestantes ou lactantes. Também é importante fazer o teste de sensibilidade: aplicando uma pequena quantidade de óleo de mirra na parte interna do braço e espere cerca de 1 hora. Se notar qualquer reação desagradável, não prossiga com o uso.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria? Antes de qualquer tipo de tratamento é importante ter uma conversa com seu médico. Deixe seu comentário.

 

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.