Saúde

Esgotamento Profissional – Sintomas e Como Evitar

Esgotamento profissional, sintomas, tratamento e como você poderá evitar.

A Síndrome do Esgotamento Profissional foi relatada inicialmente na década de 1970 e é também conhecida como Síndrome de Burn out.

Acreditava-se que ela acometia somente quem trabalhava cuidando de outras pessoas ou que mantinha contato com muita gente, como médicos, enfermeiros, professores porem recentemente verificou-se que vários profissionais de outras áreas são acometidos por essa doença.

Esgotamento-profissional-

Sintomas:

Os sintomas são muitos, os principais para que se possa fazer o diagnóstico do transtorno são: Exaustão emocional, onde o individuoEsgotamento-profissional-sintomas se torna pessimista, amargo, esgotado e com a sensação de que nunca mais recuperara suas energias e muito irritado. A despersonalização onde há perda de capacidade de empatia e indiferença ao sofrimento dos outros. O comprometimento da realização pessoal se sentindo incapaz de efetuar suas tarefas ou de conversar com as outras pessoas, um grande sentimento de infelicidade.

Ainda pode causar outros sintomas como dor de cabeça, problemas digestivos, tremores, falta de ar, taquicardia, ansiedade, depressão, insônia ou sonolência excessiva, redução ou aumento do apetite. Em mulheres pode haver alteração no ciclo menstrual.

Na depressão causada por esgotamento profissional o predominante é a raiva e a irritação ao invés da culpa.

Tratamento:

Confirmado o diagnóstico de Síndrome do Esgotamento Profissional o tratamento inclui terapia e medicamentos (quando necessário).  Mas mais que isso é muito importante a mudança no estilo de vida com atividades física, relaxamento muscular, que aos poucos vão ajudando a controlar a cauda do estresse. È bom que se observe a causa do problema se ele acontece por causa do ambiente profissional ou são as atitudes da própria pessoa que desencadeia o transtorno.

Como evitar:

Para as empresa esta sendo indicada a reorganização do trabalho bem como o incentivo à comunicação entre os funcionários para que eles não se isolem uns dos outros e estas propostas quando utilizadas tem dado bons resultados.

Portanto para evitar a Síndrome de Burn out é necessário que se inclua diariamente em sua vida o habito de cuidar com esmero de sua saúde, dormindo melhor, alimentando-se corretamente, praticando exercícios e mantendo sua vida social ativa e feliz.

 

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você.

Gostou da matéria?

Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.