Beleza

Emolientes ou Umectantes ou Hidratantes – Diferenças

Emolientes ou Umectantes ou Hidratantes tem muitas diferenças entre si. E se não forem utilizados corretamente ao invés de melhorar acabam piorando as condições da pele. A pele é o órgão mais extenso do corpo humano. Ela adquire diferentes características em determinadas áreas do organismo e Varia de espessura e textura. É dividida em três camadas: epiderme, derme e conjunto adiposo. A epiderme fica na camada exterior e tem como função proteger a pele de ataques, dos raios UV e da perda excessiva de água. Ela também é subdividida em camadas. A sua camada mais superficial é chamada de estrato córneo e é composta basicamente por queratina. Nesta camada estão as moléculas de aminoácidos que formam o Fator Natural de Hidratação chamado de NMF, da sigla inglês Natural Moisturizing Factor. Ela  é indispensável no controle e manutenção da hidratação do estrato córneo. A quantidade de água na pele é reduzida naturalmente com o aumento da idade. Isto faz com que ela se torne mais seca e menos hidratada.

Diferenças Entre Emolientes ou Umectantes ou Hidratantes

Alguns fatores como exposição ao sol, uso de detergentes ou solventes e tempo seco também podem resultar em desidratação e, dessa maneira acontecem desconforto, estiramento, perda de elasticidade, de brilho e de maciez. A pele aumenta sua capacidade de reter água ao aumentar sua hidrofilia através de substâncias emolientes, umectantes e hidratantes. Cada tipo de pele precisa de um cuidado com produtos e ingredientes diferentes. O melhor sempre é perguntar qual o melhor produto para seu  dermatologista. Existem algumas dicas que ajuda, por exemplo, os umectantes pedem que a pele esteja previamente umedecida, sendo ótimos para usar após o banho. Os emolientes podem ser aplicados depois do banho. Quando a pele já estiver secando, e podem ser levados na bolsa e reaplicados durante o dia. Emolientes ou Umectantes ou Hidratantes

Compartilhamos abaixo características entre Emolientes ou Umectantes ou Hidratantes:

Emolientes são as substâncias como óleos ou lipídios, que têm o objetivo de suavizar, amaciar ou tornar a pele mais flexível. Os emolientes diminuem a perda de água e mantêm o nível adequado de umidade no estrato córneo, permitindo flexibilidade cutânea.Coma presença de umidade nas células córneas é possível manter a elasticidade da pele jovem e sadia. O envelhecimento e as agressões ambientais causam a redução da capacidade de retenção de água da pele, o que a torna seca e rugosa. Os agentes emolientes existentes em formulações podem prevenir as rugas e pele seca. Os cremes costumam ter ao menos um emoliente em sua composição. São os óleos vegetais, ácidos graxos (ômega 6 e 3) e lipídios não gordurosos que espalham facilmente na pele, conferindo-a uma textura de maciez e flexibilidade.

Umectantes são as substâncias que contêm água em sua formulação e, quando aplicadas na pele, criam uma camada protetora. Ela ajuda a pele a não perder água para a atmosfera, mantendo-a umedecida. Essas substâncias não penetram no estrato córneo simplesmente elas formam uma proteção como um filme hidrofílico sobre a pele, retendo água na superfície da camada córnea.  Elas são incorporadas à cosméticos para melhorar a consistência do produto, e para que não ocorra cristalização do mesmo. Hidrolisados de proteína animal ou vegetal são usados como umectantes nos cremes. Podemos citar entre eles o D-pantenol, ácido hialurônico, óleos e extratos vegetais. Os óleos vegetais são os melhores agentes umectantes. O ácido hialurônico é uma substância encontrada na pele e atua preenchendo os espaços entre as células, deixando a pele com um aspecto liso e bem hidratado. A concentração desse ácido diminui com o passar da idade e assim surgem as rugas e ressecamento. Cremes com este composto ajuda tanto na hidratação retendo a  retém água sendo que um grama de ácido consegue reter três gramas de água.

Hidratantes são bem diferentes dos umectantes e emolientes. Os hidratantes tem agentes que conseguem penetrar na camada córnea, ligando-se às moléculas de água, retendo-as em toda sua extensão não apenas na superfície. Uma das substâncias hidratantes mais utilizadas na cosmética é a ureia. Presente no NMF, ela tem alta capacidade de se ligar à água ao longo da camada córnea, proporcionando a hidratação da pele. A queratina une-se mais à água na presença de ureia. Esse fato torna a ureia um potente hidratante e não um umectante que ligaria a água apenas na superfície da pele. O NMF também é composto de aminoácidos como a arginina, que tem grande afinidade com moléculas de água. No entanto, a Anvisa estabelece uma concentração máxima de 3% de ureia nos produtos com finalidades cosmética.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria! Procure a orientação de um dermatologista antes de utilizar qualquer produto em sua pele! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email
Últimas Pesquisas:
  • diferenca de hidratantes umectantes e emolientes
  • diferença entre hidratante umectante e emoliente
  • DIFERENCA UMECTANTE E EMOLIENTE
  • emoliente ou umectante

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.