Dieta

Dieta da Fertilidade – Alimentos Indicados

Dieta da Fertilidade é composta por alimentos que podem ajudar o bom funcionamento dos sistemas reprodutores masculinos e feminino. Os alimentos saudáveis ajudam no bom funcionamento das funções motoras e cognitivas.

Alimentos Indicados Para Dieta da Fertilidade

Para os casais que desejam ter um bebê é importante conhecer os alimentos certos que ajudam os sistemas reprodutivos de homens e mulheres.  A dieta da fertilidade pode ajuda-los a conseguir a tão sonhada gravidez.  A mulher ao consumir os alimentos saudáveis ajuda a preparar rapidamente o corpo para a gestação estando bem nutrida sua produção de hormônios também melhora influenciando nas funções ovulatórias. Para os homens, a alimentação correta produzirá melhores espermatozoides, evitando doenças congênitas.

Durante a dieta é importante evitar o tabaco e o excesso de álcool e o estilo de vida também é decisivo para a boa saúde e, quando se pensa em ter um bebê deve-se rever os pontos da vida como o estresse, o sedentarismo, as rotinas profissionais, as doenças neurológicas como a ansiedade e, principalmente, os hábitos alimentares. A dieta feita de forma adequada contribui para reduzir a fadiga, o sono excessivo, os problemas de articulação, as dores abdominais, além de melhorar o humor e a energia.

Para os homens e mulheres vegetarianos é preciso rever as regras alimentares na época em que desejam engravidar. É importante procurar um médico ou nutricionista para avaliar a situação e verificar se existe a necessidade de compensar a carência de alguns nutrientes. Mulheres vegetarianas normalmente podem apresentar deficiência de zinco e este é um importante mineral para a função reprodutiva que pode ser encontrado em ostras, carne vermelha, fígado de galinha e feijão.

Existem alguns cuidados na alimentação que são indispensáveis entre eles evitar o sal em excesso e os temperos prontos, por exemplo,  que prejudicam a circulação sanguínea aumentando a retenção de líquidos e como consequência  aumentam as toxinas cumuladas. Produtos industrializados e prontos como congelados, hambúrgueres e pizzas devem ser evitados porque são ricos em sódio e carentes em vitaminas, minerais e antioxidantes, importantes e fundamentais para a fertilidade.

Abaixo compartilhamos fontes para fertilidade:

Licopeno: é antioxidante e atua na regulação hormonal dos ovários, o que pode colaborar na regulação do ciclo ovulatório é encontrado em alimentos como tomate, caqui, pitanga, morango, melancia, goiaba vermelha.

Ômega 3 e 6: tem ação anti-inflamatória e proteção do aparelho reprodutor feminino. Os alimento são azeite, oleaginosas  como as castanhas, nozes, amêndoas, semente de abóbora, macadâmia, etc, linhaça; peixes como o salmão, atum, sardinhas, anchovas.

Vitamina E: ajuda nas funções do endométrio e do útero, e aumenta a vascularização da região. Para o homem esta vitamina melhora a qualidade dos espermatozoides. Encontra-se nas  oleaginosas, grãos integrais, óleos vegetais, grão de soja, couve, agrião, azeitonas, leite enriquecido.

Ferro: é muito importante para a formação dos glóbulos vermelhos. Quando  em baixa, há o prejuízo da circulação sanguínea, o que prejudica a ovulação e pode estar relacionado ao mau desenvolvimento do feto. Os alimentos são a carne, vegetais verdes escuros, leguminosas.

Zinco: um mineral importante para o casal porque é fundamental na produção dos espermatozoides e contribui com os hormônios femininos. É encontrado em alimentos como as nozes, carne bovina, gérmen de trigo, ostras, feijão.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria! Para se preparar e ter filhos a alimentação é fundamental! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.