Saúde

Dentes de Leite – Queda e Cuidados Necessários

Dentes de leite ao todo são vinte e são também conhecidos como decíduos e durante sua queda é preciso alguns cuidados que são muitos necessários. São 10 dentes de leite na arcada superior e 10 na inferior. São bem parecidos com os dentes permanentes, pois eles tem o canal ou polpa do dentes e coroa, raiz, entretanto, seu tamanho não é igual nem a forma anatomica é parecida com o dente permanente. 

Dentes-De-Leite-Capa

Queda dos Dentes de Leite

A troca de dentes se inicia na faixa dos 5 aos 7 anos de idade e neste período as crianças e os pais se sentem muito ansiosos, com medo e muitas duvidas. É o inicio de uma nova fase e a queda dos dentes marca o começo do crescimento para muitas crianças. E os pais passam a ver que seus filhos estão deixando de ser bebês. Os dentes de leite são trocados pelos permanentes de forma natural até aproximadamente os doze anos.

A odontopediatra Deisi Damin, cirurgiã-dentista do Hospital da Criança Sto Antonio, da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, RS informa que no instante que o dente começa a amolecer muitas crianças acabam brincando de mexer o que se torna um estimulo, mas de forma nenhuma o dente cai imediatamente. Ele sofre um processo conhecido como reabsorção e deposição óssea, isto acontece para que nasça o novo dente.

Normalmente os dentes que caem primeiros são os da frente, em seguida os caninos e por fim os posteriores. Mas nem sempre a ordem segue esta sequência é importante saber que os primeiros molares permanentes costumam nascer na criança aos seis anos logo atrás do ultimo dente de leite e sem a necessidade de troca. Muitas mães se surpreendem ao saber no consultório do dentista que estes dentes são permanentes.     

foto-32

O inconveniente de se ter um dente mole é que pode atrapalhar na hora de falar, comer, e também ao escovar os dentes. Ele pode sangrar e provocar dor no local. O ideal ao se ter uma criança com os dentes de leite moles é ofertar alimentos menos fibrosos e duros o que ajuda a diminuir o desconforto.

Cuidados Necessários Durante a Queda dos Dentes De Leite

Dentes de leite quando caem são motivos de orgulho para algumas crianças ma também as deixam ansiosas aguardando que eles caiam. Outras ficam com vergonha de ficar banguela. Aos pais cabe agir naturalmente e informar a criança que logo ira nascer um novo e muito mais bonito e ensinar a ela que é assim mesmo que acontece com os dentes. Diga que os amiguinhos dela também estão perdendo os dentinhos de leite e que é só uma fase que marca o crescimento.

Ensine a criança a não ficar mexendo no dentinho com as mãos sujas pois isso pode causar contaminação com microrganismo e deixar a região do dente com inflamação. O correto é o dente de leite cair sozinho, mas se for necessário leve-o a um profissional para fazer uma avaliação.

Dentes-de-Leite

O que leva o dente de leite a cair é a pressão que o novo dente permanente faz e assim ele surge logo em seguida ou pode demorar aproximadamente um mês para aparecer. Quando este tempo se prolonga muito pode estar havendo falta de espaço para ele nascer ou as gengivas podem estar fibrosas nestes casos é indicado o acompanhamento de um profissional especializado para avaliar quais são as causas que impedem o dente nascer corretamente.

Dente-de-Leite-Espaço

O dentinho de leite pode vir a cair durante a alimentação ou a escovação diária ou pode até cair sozinho.  Ao cair pode haver um desconforto na gengiva com um pequeno sangramento na região onde estava o dente. No caso de sangramento faça uma bolinha com algodão ou gaze e peça para a criança morder por uns cinco minutos até que o sangramento pare. Mantenha a calma para que seu filho não fique nervoso ou apreensivo.

Pode acontecer em alguns casos de os dentes terem dificuldade para cair isso pode ter diversas causas entre elas:

O dente permanente não acha o caminho de erupção e não consegue reabsorver completamente a raiz do dentinho de leite;

A arcada dentária da criança é muito pequena ou muito estreita, e desta forma o dente não consegue espaço para nascer;

Necessidade de estimulo através da mastigação com o dente em questão;

As gengivas com forte quantidade de fibras gengivais.

Mastigar os alimentos duros e fibrosos ajuda no estimulo do dente durante o processo, mas em algumas condições pode haver a necessidade do auxilio de um odontopediatra que efetuara um exame clinico e radiográfico para avaliar se indicado a remoção do dente de leite usando anestésicos.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria?  Leve seu filho ao dentista logo nos primeiros meses de vida! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.