Saúde

Bicho Geográfico – O Que É, Sintomas e Tratamento

Bicho Geográfico, também chamado de larva migrans é um parasita que geralmente ataca cães e gatos ele possui o corpo alongado, cilíndrico e afilado nas extremidades. Quando os seres humanos entram em contato com as fezes desses animais infectados, a larva pode também nos atacar.

Bicho Geográfico – O que é, Sintomas e Tratamento

O Que É Bicho Geográfico

O parasita ataca cães e gatos e os seus ovinhos são eliminados nas fezes desses animais. As larvas, ao entrarem na pele, fazem lesões tortuosas, que tem o aspecto de um mapa, por isso o nome popular de bicho geográfico. Os animais ingerem o parasita em sua forma adulta no alimento ou fezes contaminados. No interior do intestino desses animais, as larvas se reproduzem e liberam ovos. Os ovos são expelidos junto com as fezes e eclodem já no solo, fora do corpo do animal. Quando a pele ferida do homem entra em contato com essas larvas, elas entram no organismo humano, provocando irritação na pele.

Bicho Geográfico – O que é

Sintomas do Bicho Geográfico

Ao entrar em contato com a pele humana a larva pode ficar adormecida por algumas semanas ou mesmo meses ela só é percebida quando ela está em sua forma ativa. O infectado normalmente sente coceira na pele, que pode piorar durante a noite com uma sensação de movimento por baixo da pele. Ela causa uma  lesão na pele semelhante a um mapa, vermelhidão e inchaço na pele. Quando a larva está em sua forma ativa, a lesão pode aumentar cerca de 1 cm por dia. Normalmente os sintomas aparecem nos pés, costas e mãos justamente porque  são as partes do corpo que mantêm mais contato com o solo. Mas as larvas podem entrar em qualquer parte do corpo que tenha tido contato com um local contaminado. Nos  casos mais extremos, as larvas podem soltar substâncias tóxicas e nocivas, que para alguns piora seriamente o quadro da doença. Nesses casos, o doente pode apresentar alergias graves, tosse e dificuldade para respirar.

Bicho Geográfico – O que é, Sintomas e

Tratamento  do Bicho Geográfico

Para o tratamento do bicho geográfico um médico deve ser consultado normalmente um clínico geral. Os remédios mais comuns usados contra a doença são: Tiabendazol, Albendazol ou Mebendazol. São usados como pomada quando o diagnóstico é feito precocemente. Se a infecção estiver muito avançada, o médico deve sugerir que o paciente tome comprimidos. Normalmente os sintomas começam a desaparecer depois de dois ou três dias que o paciente tenha iniciado o tratamento, mas os remédios devem ser mantidos de acordo com a prescrição médica para garantir que o bicho geográfico seja totalmente eliminado do organismo. Uma maneira caseira de aliviar os sintomas de coceira, é fazer compressas de gelo nas regiões que foram afetadas. Após terminar o tratamento, o bicho geográfico morre e não se espalha para outras áreas do corpo.

Bicho Geográfico –

O certo é sempre prevenir e para evitar o bicho geográfico, é  indicado andar de calçado fechado em lugares que possam estar contaminados. Locais que tenham areia, como parques de recreação para crianças devem permanecer tapados durante a noite para que gatos não façam suas necessidades no local. Os donos de cães e gatos devem recolher as fezes e evitar levar os animais à praia. Outra maneira de prevenir é realizar exames frequentes nos cães e gatos e também ministrar vermífugos a esses animais. Use uma toalha limpa ou uma canga quando se sentar na praia para evitar o contato com áreas que podem estar contaminadas com a larva.

Agradecemos a visita em nosso site. Procuramos trazer sempre o melhor para você. Gostou da matéria? Bicho geográfico se proteja para evitar este parasita! Deixe seu comentário.

Print Friendly, PDF & Email
Últimas Pesquisas:
  • bicho geográfico sinai e sintomas

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.